Qual a importância da cesta básica para empresas?

A cesta básica é um dos mais tradicionais e importantes benefícios na vida do trabalhador, pois alicerça uma das principais necessidades humanas, que é a de subsistência. Embora, em muitos casos, a legislação trabalhista crie a obrigatoriedade de fornecimento, é comum entre as empresas que se preocupam com bem-estar de seus funcionários a inclusão da cesta básica como item imprescindível no pacote de benefícios.

Se você está em posição de decisão na sua empresa e entende a relevância que uma boa alimentação tem na vida do funcionário e de sua família, continue a leitura deste post, entenda a importância da cesta básica para empresas e conheça algumas vantagens que o fornecimento dela poder trazer para o seu negócio!

Por que fornecer cesta básica para funcionários?

Na área da Administração, uma teoria muito levada em consideração pelo aspecto motivacional é a Hierarquia das Necessidades, criada pelo psicólogo americano Abraham Maslow, em que ele descreve 5 necessidades em formato piramidal com a defesa de que as de nível mais baixo devem ser satisfeitas prioritariamente:

  1. Necessidades fisiológicas (básicas): a comida, a sede, o sono, o abrigo;
  2. Necessidades de segurança: a casa, o emprego estável, o plano de saúde;
  3. Necessidades sociais: o amor, o afeto, a afeição;
  4. Necessidades de estima: o reconhecimento das capacidades pessoais, o reconhecimento dos outros;
  5. Necessidades de autorrealização: a moralidade, o autodesenvolvimento.

Vamos tratar da base da pirâmide, em que a necessidade de comida se estabelece como fundamental para a vida humana. Como esse é um aspecto motivacional com grande força dentro do universo corporativo e na gestão de pessoas, a estratégia de fornecer essa segurança ao colaborador torna-se uma grande aliada da empresa.

São muitas as vantagens para as empresas que adotam a cesta básica como um benefício permanente. Tome nota de alguns que podem ser um grande diferencial e gerar efeitos bastante positivos para seu negócio!

Atendimento às normas PAT

O PAT (Programa de Alimentação do Trabalhador) foi criado para melhorar a vida do colaborador e suas condições de nutrição, contribuindo para a redução de acidentes de trabalho e aumento da produtividade.

Com ele, a empresa consegue se adequar às exigências de fornecimento de alimentação, oferecendo os mesmos itens a todos os funcionários e garantindo a qualidade dos produtos. Dentro do programa, a cesta básica para empresas torna-se um grande aliado estratégico.

É importante salientar que a fornecedora da cesta básica deve estar apta ao fornecimento, com os produtos embalados de forma adequada em embalagem individual que facilite o transporte, e tenha um processo logístico de entrega que obedeça aos prazos estabelecidos pela empresa contratante.

Promoção da saúde e do bem-estar

A composição da cesta básica é adequada à essencialidade da vida de uma pessoa e os alimentos têm valor nutricional para uma refeição saudável e balanceada, promovendo saúde para o trabalhador e sua família.

Além disso, se uma pessoa for ao supermercado, gastará muito mais dinheiro comprando os mesmos itens fornecidos na cesta básica. Isso porque a empresa tem poder de negociação com o fornecedor, na compra de grandes quantidades.

Economizando, sobrará dinheiro para mais lazer na vida pessoal, o que traz a sensação de bem-estar com reflexo na motivação e na saúde do trabalhador, que terá melhor disposição para o trabalho.

Não por acaso, quando oferecidos na cesta básica, itens que são consumidos diariamente em grandes quantidades e pesam no orçamento, como açúcar, arroz, café, feijão, óleo, farinha de trigo e macarrão, dão tranquilidade ao funcionário para produzir ao longo da jornada.

Motivação e engajamento dos funcionários

Toda empresa deseja produtividade e, consequentemente, lucro. Por isso, deve se preocupar com o nível motivacional de seus funcionários e promover ações que os mantenham engajados dentro do negócio.

Quando o funcionário percebe que a empresa se importa e se esforça para atender às próprias expectativas sem, contudo, deixar o time de lado, inevitavelmente, doa todo seu potencial para ver o negócio prosperar, pois enxerga que, contribuindo, manterá a segurança de recebimento dos seus benefícios.

Garantia de alimentação

Com a cesta básica, é possível garantir que cada trabalhador tenha acesso aos alimentos de necessidade básica e mantenha uma regularidade nas refeições. Se por um lado, o profissional se sente satisfeito e seguro, por outro, a empresa ganha ao contar com pessoas saudáveis e bem-dispostas em seu quadro.

Inclusive, a oscilação dos preços nos supermercados não afeta tanto o bolso do trabalhador, pois a cesta básica é garantida pela empresa independentemente do preço, o que faz com que o funcionário permaneça por muito tempo vinculado e satisfeito com o empregador.

Boa reputação no mercado

A empresa que se preocupa com seus funcionários e oferece benefícios atraentes, naturalmente, ganha notoriedade no mercado e desperta o interesse de bons profissionais. Essa diferenciação pode melhorar a reputação e trazer rentabilidade ao negócio.

Aumento da produtividade

Voltando à Hierarquia das Necessidades de Maslow, a fisiologia é incontrolável para a maioria dos seres humanos. A sensação de fome e insegurança para muitos cria um cenário apreensivo e desconfortável. Quando não se alimenta corretamente, a pessoa demonstra desinteresse e incômodo, o que afeta diretamente a produtividade do profissional.

O interesse da empresa e a preocupação com o bem-estar do funcionário precisam ir além das vantagens obtidas com o fornecimento da cesta básica. O benefício para a empresa é uma consequência de uma atitude correta.

Incentivo fiscal

Quando uma empresa fornece alimentação, além de beneficiar seus funcionários, tem isenção de encargos sociais — FGTS e INSS —, que podem ser de até 4% de dedução no imposto de renda devido, o que pode ser financeiramente muito compensador.

O que o funcionário ganha com a oferta da cesta básica como benefício?

Todo e qualquer benefício é sempre bem-vindo na vida do trabalhador, pois atende às expectativas diversas, da motivacional à financeira. Um benefício como a cesta básica gera economia e fartura para os profissionais com famílias numerosas, permitindo sobra no orçamento para investimento em outras necessidades.

A empresa que entende esse cenário e investe em benefícios abre vantagem competitiva sobre as demais, retendo os melhores talentos, além de mantê-los sempre satisfeitos e bem-dispostos a apresentar uma produtividade diária cada vez melhor, aumentando a rentabilidade com crescimento equilibrado.

Se você gostou deste post sobre a importância da cesta básica para empresas, continue com a visita ao nosso blog e saiba um pouco mais sobre as vantagens desse benefício. Veja agora tudo o que você precisa saber sobre a cesta básica!

Deixe um comentário